Limpeza de pele: por que fazer e de quanto em quanto tempo?

 

 

 

Com a correria do dia a dia, muitas vezes não conseguimos ter um cuidado diário que nossa pele merece, deixando acumular algumas impurezas que impedem sua vitalidade.

 

O ideal é higienizar diariamente a pele com sabonete específico para cada pele de manhã e a noite e depois usar tônico, que é muito importante, pois equilibra o pH da pele e devolve a função fisiológica ao tecido, devendo ser feito também de manhã e a noite.

 

O uso de hidratante é obrigatório e deve ser usado com disciplina todos os dias, pois além de evitar linhas de expressão, o hidratante também auxilia na prevenção do câncer de pele.

 

O filtro solar previne o fotoenvelhecimento e evita danos causados pelo sol, indispensável seu uso diariamente, sendo específico para cada tipo de pele.

 

Mas a limpeza de pele feita por profissionais da área da estética, por que devo fazer?

 

Que idade pode começar a fazer a limpeza de pele?

 

De quanto em quanto tempo?

 

Limpeza de pele é uma ótima aliada para deixar a pele mais homogênea, livre de comedões abertos e fechados que são os terríveis cravos (pretos e brancos), retira excesso de células mortas, deixando o aspecto de pele renovada e mais lisa.

 

Vários são os benefícios da limpeza de pele, a retirada do excesso de células mortas auxilia a permeabilidade e ação dos outros produtos usados na limpeza, os resultados são facilmente percebidos, além de controlar oleosidade e prevenir lesões acneicas.

 

Primeira limpeza de pele pode ser realizada na pré-adolescência (10 a 13 anos) ou adolescência (15 aos 21 anos), onde devido a fatores hormonais, a oleosidade da pele aumenta, surgindo mais comedões (cravos brancos e pretos) e as temíveis acnes pápulo pustulosas (acne grau II- espinhas amareladas).

 

A limpeza de pele nessa fase pode ser feita, no início do tratamento, uma vez por semana por um mês, dependendo do caso mais severo, depois espaçando as sessões conforme a oleosidade da pele.

 

Importante nessa fase seguir orientações e cuidados em casa dia-a-dia, pois fará toda diferença no tratamento.

 

O tipo de pele e cuidados que são realizados em casa, como higiene da pele duas vezes por dia, hidratação e fotoproteção diárias, é que irão determinar quantas em quantas vezes à pele necessitará de limpeza de pele feita por profissionais da área da estética.

 

Toda vez que a pele se encontrar com cravos, é indício de fazer a limpeza, sendo que peles mais secas podem espaçar mais as sessões de limpeza, chegando a fazer uma a cada mês ou até dois meses.

 

Tratamentos para manutenção de uma pele saudável e uniforme devem ser realizados por profissionais capacitados.

 

Fisioterapeuta Dermato Funcional é especialista em cuidados cutâneos e atua nas disfunções dermatológicas estéticas de cada indivíduo.

 

 

Referências:

ALVARES, Denise Brega; TABORDA, Valeira Brega Alvares; ALMA, Jeanete Moussa. Acne vulgar: avanços na técnica combinada de limpeza de pele associada ao peeling ultrasônico e a fotobioestimulação com LEDs. Salusvita, Bauru, v. 31, n. 1, p. 71-80, 2012.

AZULAY, Luana A. Dermatologia; 5ª edição; Editora Guanabara Koogon; pp 104-112; 2011.

CESTARI, Tânia F; DANTAS, Lia P; BOZA, Juliana C; Educação Médica Continuada; Anais Brasileiro de Dermatoogia; v.1; Rio de Janeiro; Jan/Fev; 2014

 

 

 

Tanise

Sobre Tanise Kreibich Dadp

GRADUAÇÃO EM FISIOTERAPIA PELA UNIVERSIDADE LUTERANA DO BRASIL-ULBRA CANOAS RS - 2008 | ESPECIALIZAÇÃO EM DERMATO FUNCIONAL ¨LATO SENSU¨ PELO CBES – 2009 | MESTRE EM GERONTOLOGIA BIOMÉDICA- ASPECTOS BIOLÓGICOS DO ENVELHECIMENTO - 2010 | PROPRIETÁRIA DA CLÍNICA ESPAÇO VITTA CLÍNICA INTEGRADA (desde 2007) | PROFESSORA DE PÓS GRADUAÇÃO E MINISTRANTE DE CURSOS.