Lifting facial não cirúrgico com Ultrassom Micro Focado

 

 

 

Recentemente foi apresentado no Congresso Americano de Dermatologia, uma nova tecnologia de ultrassom indicada para flacidez de face e pescoço que promove um efeito “lifting”, melhorando o contorno facial.

 

Ela atua de maneira diferente de outras tecnologias já existentes, promovendo micro zonas de coagulação ou “micro ferimentos” numa profundidade que nenhum outro equipamento alcança.

 

Lifting-facial01

 

A energia micro focada do ultrassom atinge o tecido em camadas específicas, que variam conforme a frequência do transdutor utilizado, que pode ser de 1.5, 3.0 e 4.5 mm de profundidade, tratando desde as camadas mais superficiais da pele, até a musculatura superficial facial chamada de SMAS (Sistema Músculo Aponeurótico Superficial).

 

Para o tratamento corporal, já está disponível também no Brasil, o transdutor corporal de 13mm.

 

A energia acústica depositada é então convertida em calor, gerando várias linhas de pontos de coagulação, onde a temperatura pode chegar até 70C°, provocando uma contração imediata do tecido, e ao mesmo tempo, um processo de reparação deste, com aumento de colágeno e elastina de forma progressiva e melhorando a flacidez e o contorno facial.

 

Esta tecnologia, portanto, consegue estimular estruturas mais profundas sem queimar a epiderme, que é a parte mais superficial da pele.

 

Lifting-facial02

 

O procedimento é simples, não é invasivo (não há cortes), realizado no consultório do profissional e não requer “downtime”, ou seja, o paciente pode voltar às atividades diárias normalmente.

 

Além disso, o tratamento pode ser feito por pessoas de qualquer tipo e cor de pele e em qualquer época do ano.

 

Para amenizar o desconforto, geralmente é usado um creme anestésico tópico.

 

Logo após o tratamento, o local pode ficar levemente vermelho e inchado, com alguma sensação de formigamento e leve sensação de dor muscular.

 

São relatados casos raros de dor de cabeça, pequenas pápulas e eritema persistente. Estes sintomas regridem progressivamente.

 

O tempo da sessão vai depender da área a ser tratada, geralmente uma “full face” pode levar até 90 minutos.

 

Os resultados são percebidos logo após a aplicação, já com uma leve retração, e ao longo de 2-3 meses vão se intensificando, sendo que alguns pacientes relatam melhora por até 6 meses.

 

Com apenas uma sessão, percebe-se uma melhora evidente de rugas superficiais e sulcos como: bigode chinês, rugas periorbitais e da papada, além de definir mais o contorno da face.

 

Pode ser realizada até 2 sessões por ano.

 

Essa inovadora tecnologia é uma alternativa segura e com grande eficácia clínica para pacientes com flacidez leve e moderada que não querem ou não podem se submeter a um lifting cirúrgico.

 

Lifting-facial03

É importante salientar que essa tecnologia inovadora já foi aprovada pela ANVISA para o tratamento de flacidez da pele e deve ser realizada por profissional devidamente habilitado, que deverá realizar avaliação prévia do paciente, levando em consideração todas as indicações e contraindicações pertinentes.

 

Resultados obtidos com o VITHARA – Ultrassom Microfocado de Alta Intensidade – HIFU Fracionado (High-Intensity-Focused-Ultrasound) / ADVICE.

 

A: pré-tratamento; B: logo após a sessão; C: após 2 meses.

 

 

 

 

 

 

 

Anna Claudia Lipiani

Sobre Anna Cláudia Lipiani

Graduada em fisioterapia pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais | Pós-graduada em Fisioterapia Dermato-Funcional pela Universidade Gama Filho_RJ e em Uroginecologia e Obstetrícia pela Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais-FCMMG.