ATUAÇÃO DA RADIOFREQÜÊNCIA SOBRE O TECIDO ADIPOSO

 

 

 

A radiofreqüência corresponde à uma corrente elétrica de média intensidade, cuja potência liberada tem a finalidade de elevar a temperatura tecidual a níveis que possam favorecer respostas fisiológicas controláveis.

 

Existem basicamente 3 formas de geração de radiofreqüência: capacitiva, resistiva e indutiva, sendo que essa última é a que apresenta menor velocidade de elevação da temperatura.

 

Existem também alguns modos de emissão de radiofreqüência, de acordo com o número de emissores na base da manopla ou aplicador. Dessa forma, podemos ter os modos monopolar, bipolar,tripolar e multipolar.

 

Quando a energia tende a percorrer de um eletrodo ativo para um dispersivo, ele é chamado monopolar. Nesse caso, a ponteira é única,compacta, e geralmente tem formato circular. Uma característica desse tipo de ponteira é o de elevar a temperatura em tecidos mais profundos, quando comparados aos eletrodos bi,tri ou multipolares.

 

O efeito da elevação da temperatura promovido pela radiofreqüência sobre a pele é de contrair as fibras de colágeno, promovendo ação benéfica sobre a flacidez, sendo essa uma das principais indicações de tratamentos na fisioterapia dermato-funcional. Porém, conforme mencionado anteriormente, a radiofreqüência com ponteira monopolar atinge tecidos mais profundos, podendo ser também indicada como tratamento para gordura localizada, por exemplo.

 

O grande problema é que muitos profissionais utilizam a radiofreqüência de modo errôneo, na tentativa de tratar a gordura localizada com aplicadores bi,tri ou multipolares, uma vez que sua ação nesses casos será apenas sobre os tecidos superficiais, sem alcance na camada de gordura.

 

Apesar da radiofreqüência não ter como principal indicação o tratamento da gordura localizada, sua ação sobre esse tecido é de contrair as células adiposas concomitantemente à retração das fibras de colágeno. O uso da ponteira monopolar promove, portanto, além da melhora da flacidez tissular, a redução de medidas e o remodelamento corporal. Em ambos os casos a temperatura externa utilizada deve girar em torno dos 39 a 40 graus Célsius para obtenção de tais resultados.

 

Não foram encontrados na literatura estudos ou pesquisas relacionados ao uso da radiofreqüência na gordura localizada, porém uma experiência prática em uma amostra de pele e gordura suínas, desenvolvida recentemente pelo professor Fábio dos Santos Borges,e publicada em suas redes sociais, demonstrou ação profunda (elevação de temperatura e amolecimento) a nível de tecido gorduroso, utilizando a manopla monopolar, e efeito somente superficial utilizando manopla bipolar, como demonstrado nas figuras abaixo:

 

radiofrequencia1 crio (1)

 

Estudos no sentido de analisar maiores detalhes da atuação da radiofreqüência sobre o tecido gorduroso se fazem necessários. Na prática clínica tenho utilizado essa ferramenta há bastante tempo com uso da manopla monopolar, associado à outros procedimentos voltados para redução de medidas, e tenho obtido excelentes resultados.

 

Seria, porém, de suma importância que tivéssemos a nosso alcance referências na literatura que abordassem de forma mais profunda todo esse processo, para que assim possamos realizar nossos tratamentos com maior embasamento e respaldo científico.

 

 

 

 

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS:

1) AGNE, J.E. Eletroterapiatermofototerapia. 1.Ed. Santa Maria: O autor,2013.

2) BORGES, F.S.Modalidades terapêuticas nas disfunções estéticas. 2. Ed. São Paulo:Phorte,2010.

 

 

 

Elizete

Sobre Eliziete Abreu

Graduação em Fisioterapia pela Universidade Estadual do Piauí ( UESPI) | Especialização em Fisioterapia Aplicada á Traumatologia e Ortopedia pela Faculdade Integral Diferencial (facid) | Especialização em Fisoterapia Dermato – Funcional pelo Centro de Ensino Unificado de Teresina (CEUT) | Fisioterapeuta Efetiva do Hospital Regional de Campo Maior | Sócia do Mais Magra Espaço de Estética | Crefito 109346-F